A casa do povo


                                                                                  camaradematureia@gmail.com

 

 


 

Vereadores concedem título de cidadão matureense ao Presidente da Central de Associações de Maturéia

 

08/11/2019

Os vereadores da Câmara Municipal de Maturéia votaram na sessão desta quinta-feira (07) um decreto legislativo de autoria do vereador Emanuel Machado da Costa, que outorga o título de cidadão matureense ao senhor Damião Luis de França, atual Presidente da Central de Associações de Maturéia.

Seu Luiz, como é popularmente conhecido, está à frente da Central de Associações há 3 anos, prestando serviços às comunidades rurais na busca por benefícios destinados aos pequenos agricultores do município de Maturéia. Seu Luis também é presidente da Associação de Pequenos Produtores Rurais do sítio Santa Tereza, local onde reside.

Pelo reconhecimento aos serviços comunitários que vêm desenvolvendo no município, o  decreto do título de cidadão ganhou aprovação pela Casa.

Na sessão, ainda foi anunciado o veto de dois projetos apresentados pelo vereador Leandro Laia, de números 026/2019 e 027/2019, que dispõem sobre a obrigatoriedade da inclusão da Língua Brasileira de Sinais (LIBRAS) no currículo escolar das instituições municipais de ensino e a obrigatoriedade da atuação de profissional em libras nas Unidades Municipais de Saúde.

 

 

 

 

 

Câmara Municipal recebe em sessão ordinária candidatos eleitos para Conselheiros tutelares

 

18/10/2019

 

A Câmara Municipal de Maturéia recebeu na sessão desta quinta-feira (17) os cinco candidatos eleitos para conselheiros tutelares em Maturéia no quadriênio 2020/2023. Os vereadores da Casa ouviram ideias e propostas dos futuros profissionais.

José Orlando, Galeguinho do Gás, Manoel, Acácio e Marcos falaram da importância do exercício da atividade em defesa dos direitos das crianças e adolescentes, expondo propostas de ações ao iniciarem as atividades no próximo ano.

O Presidente da Câmara, José da Silva (Minininho), e os demais vereadores da Casa parabenizaram os candidatos eleitos e desejaram um bom exercício de atividade aos futuros conselheiros, destacando a relevância da profissão para a sociedade.

Na sessão, os vereadores ainda votaram o projeto de lei de autoria do Presidente da Casa, Minininho, que denomina uma rua do município de Lourival Tenório do Nascimento, em memória e homenagem ao microempresário matureense que faleceu precocemente.  O projeto foi aprovado por unanimidade.

Minininho e os demais vereadores falaram da atuação honrosa do microempresário no município, que gerou emprego na localidade e fez grandes amizades.    A esposa de Lourival Tenório participou da sessão e também prestou sua homenagem ao marido falecido, expressando que foi um homem empreendedor e de honra.

O projeto de lei ainda dispõe sobre a implantação das placas denominativas de ruas, que ficará a cargo do poder executivo municipal.

 

Câmara discute inclusão da língua de sinais em Escolas municipais e Unidades de Saúde de Maturéia

11/10/2019 

 

A Câmara Municipal de Maturéia discutiu na sessão desta quinta-feira (10) a inclusão da Língua Brasileira de Sinais (LIBRAS) no currículo escolar das instituições municipais de ensino e atuação de profissional em libras nas Unidades Municipais de Saúde. Ambos os projetos de lei foram apresentados pelo vereador Leandro Laia.

De acordo com o projeto de lei de inclusão da língua de sinais na grade curricular das Escolas municipais, as instituições de ensino de Maturéia devem garantir às pessoas surdas ou com deficiência auditiva acesso à comunicação, à informação e à educação nos processos, nas atividades e nos conteúdos curriculares em todos os níveis, etapas e modalidades de educação. O projeto ganhou voto favorável pela Casa.

O outro projeto de lei apresentado pelo vereador Leandro Laia dispõe sobre a inclusão de profissional especializado na língua de sinais nas Unidades Municipais de Saúde para atender pessoas com deficiência auditiva que procuram as Unidades Básicas de Saúde no município. 

Ainda de acordo com o projeto, a especialização de profissionais e servidores municipais deve ser comprovada por certificado de formação em LIBRAS. Com o reconhecimento da importância da linguagem de sinais nos órgãos públicos o projeto ganhou aprovação.

Na sessão o Presidente da Câmara, José da Silva (Minininho), também apresentou um projeto de lei que denomina uma rua do município de Alzira Alves Dantas, a pedido da ex-vereadora da Casa, Maria Carlinda, em homenagem a sua mãe. O projeto também dispõe sobre a fixação de placas denominativas de ruas do município pelo poder executivo municipal.

A sessão ainda contou um voto de aplauso ao policial militar Salomão Vicente de Lima Neto, em virtude de uma operação na qual o PM se destacou detendo três indivíduos acusados de participarem de homicídio na cidade de Patos – PB. O requerimento do voto de aplauso foi apresentado pelo Presidente da Casa em reconhecimento pela bravura do militar e serviço prestado à segurança da população.

IBGE - Reunião de Planejamento e Acompanhamento do Censo Democrático 2020

 

Nesta próxima sexta-feira (27), às 14h30, será realizada na Câmara Municipal de Maturéia a primeira Reunião de Planejamento e Acompanhamento do Censo Democrático 2020, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).   

A Reunião de Planejamento e Acompanhamento do Censo (REPAC) tem o objetivo de proporcionar a participação social nas atividades do censo demográfico, na busca pelo apoio e parceria da sociedade nas atividades do censo, levando a transparência das ações de levantamento de dados no município e conhecimento das atividades do IBGE.

Dentre as finalidades da reunião, está a apreciação dos mapas para fins estatísticos elaborados pelo IBGE para orientar as equipes de campo e a divulgação de resultados; promover a divulgação do Censo Demográfico junto à comunidade e, colaboração na instalação dos postos de coleta, auxiliando na disponibilização da infraestrutura necessária à coleta de dados e no deslocamento das equipes nas áreas rurais.

A reunião será ministrada por representantes do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

 

Fonte: Censo 2020/IBGE

Câmara Municipal discute privatização dos Correios em audiência pública

 

A Câmara Municipal de Maturéia realizou nesta terça-feira (24) uma audiência pública sobre a privatização da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT), discutindo os possíveis efeitos para sociedade brasileira, em especial para populações de pequenas cidades. 

A audiência foi proposta pelo vereador Leandro Laia, com o objetivo de levantar discussão na Casa legislativa sobre a privatização dos Correios e suas consequências na vida dos populares que utilizam os serviços da respectiva empresa. Representantes do Sindicato dos Trabalhadores em Correios e Telégrafos da Paraíba (SINTECT- PB) participaram da audiência e expuseram a história dos Correios e a importância que a empresa pública representa para os brasileiros na prestação dos serviços de envio e recebimento de encomendas, logística integrada, serviços financeiros e de conveniência.

Os funcionários destacaram o relevante papel dos Correios ao estarem presentes nas grandes cidades a pequenas localidades das regiões do Brasil, garantindo a integração do território nacional e universalização dos serviços prestados pela empresa.

De acordo com os representantes do SINTECT- PB, a privatização dos Correios irá causar a demissão em massa de trabalhadores da empresa, queda na qualidade dos serviços e aumento dos custos na prestação dos serviços para população, prejudicando a natureza pública da empresa para servir ao capital privado. 

Após as palavras dos representantes do SINTECT- PB, os vereadores da Casa legislativa Davi Jerônimo apoiaram os funcionários na luta contra a privatização dos Correios e reforçaram a importância dos serviços disponibilizados pela empresa para atender populações de cidades menores, em especial, à população de Maturéia,  que utiliza diariamente os serviços e atendimentos disponibilizados pelos Correios.